Facelift do Jeep Cherokee voltará ao mercado com motor 2.0 turbo





Facelift do Jeep Cherokee voltará ao mercado com motor 2.0 turbo

O motor 2.0 turbo também irá equipar o Jeep Wrangler

Fotos: Divulgação | Texto: Renê Saba

Compartilhe esse conteúdo

O Jeep Cherokee deixou de ser oferecido de forma silenciosa, mas não é o fim da linha. Sem os mesmos números comerciais do Jeep Renegade e Compass, o utilitário voltará assim que o facelift começar a ser importado para o Brasil. E isso acontecerá ainda em 2018.

Assine a Revista Car and Driver

Algumas mudanças poderão ser vistas no modelo reestilizado, como, por exemplo, o novo motor 2.0 turbo que irá substituir o V6 3.2 utilizado até então. A nova motorização receberá tecnologias de ponta, como o cabeçote e bloco de alumínio, turbo de duas câmeras, injeção direta e duplo comando de válvulas variável na abertura e fechamento. 

Leia mais:

+ Jeep Renegade volta ao topo no mês de abril entre os SUVs compactos

+ Jeep Renegade é o SUV compacto mais vendido na primeira quinzena de abril

+ Versões do Jeep Compass sofrem novo reajuste de preços de até R$ 3.000

O novo propulsor do Jeep Cherokee poderá gerar 273 cavalos e 40,8 kgfm de torque entre 3.000 e 4.500 rpm. O câmbio continuará sendo automático de nove marchas com trocas sequenciais. Vale ressaltar que o motor 2.0 turbo também irá equipar o Jeep Wrangler

Quer estar por dentro de tudo o que acontece no mercado automotivo? Então não perca tempo. Peça já a edição 124 da Revista Car and Driver Brasil. Compre aqui.

 



Comentários