Peugeot 5008: é só um 3008 com sete lugares? Sim. E não.





Peugeot 5008: é só um 3008 com sete lugares? Sim. E não.

O Peugeot 5008 é equipado com motor 1.6 THP de 165 cv, igual ao irmão menor, ele é mais que um 3008 esticado?

Fotos: Bruno Guerreiro | Texto: João Anacleto | Adaptação web Renê Saba

Compartilhe esse conteúdo

Olhando pelo retrovisor quase ninguém percebia do que se tratava. Nos quatro dias em que esteve comigo, o Peugeot 5008 quase passou despercebido. A dianteira idêntica à do irmão menor, o 3008, servia como disfarce. Não fosse a placa verde, reservada aos fabricantes, funcionando como uma interrogação na cabeça dos transeuntes, ele seria só mais do mesmo. Isso até o quarto dia, quando parei de frente em uma vaga de supermercado. Na volta, a aparência quadrada e o 5 no lugar do 3 do logotipo fez com que, não uma, mas duas famílias estivessem ali olhando e tentenado entender do que se tratava aquele SUV, aquela placa verde, a tampa traseira, as rodas diferentes com duas cores...

Assine a Revista Car and Driver

Mas o Peugeot 5008, equipado com motor 1.6 THP de 165 cv – também igual ao do irmão menor - é mais do que um 3008 esticado? Mais do que os 19,5 cm extras no comprimento? Mais do que os 16,5 cm extras entre os eixos? Mais do que a terceira fileira de bancos? Sim. E não. Calma, eu explico.

SACRIFÍCIO

Feito sobre a plataforma EMP2, base multimodular da marca, ele chega importado da França por R$ 157.490 na versão Griff e e R$ 166.490 na Griff e Pack, como a avaliada. A grande diferença entre elas é o sistema ADAS, que inclui piloto automático adaptativo, alerta de permanência em faixa, auxiliar de farol alto, detector de ponto cego, entre outros gadgetes costumeiros. Costumeiros? Sim – eles já equipam a versão 3008 Griff e Pack, lançada em fevereiro. Isso mais a dianteira idêntica já lhe demoveria de pagar R$ 11.500 extras por ele? Sim. E não.

Peugeot 5008

Tudo vai do que você precisa. Quer um porta-malas capaz de levar mantimentos para uma temporada no deserto? Tem! São 780 litros de capacidade e sob esse assoalho estão os dois lugares extras, que consistem em dois bancos individuais, moduláveis e separados. Contudo, para entrar e permanecer ali, sem ter de estipar as pernas na altura da cabeça do fêmur, adultos sacrificam quem viaja na segunda fileira, também composta por três assentos individuais, que podem ser rebatidos, e também possuem ajustes longitudinais do assento e do encosto. Segundo a Peugeot, se você rebater todos eles, pode carregar objetos de até 3,20 m de comprimento. O seu fun board monoquilha nunca mais tomará vento sofrendo no bagageiro do teto.

Leia mais:

+ Peugeot 3008 aparece no mercado com mais segurança e tecnologia

+ Peugeot 208 tem proposta econômica e bom desempenho

+ Peugeot 5008 recebe nova estrutura e chutamos qual será o seu valor

Com tudo isso alinhado e as posições preenchidas você acaba tratando mal cinco ocupantes, em vez de dois. Mas se forem crianças pequenas, tudo bem. Esse sistema funciona. Em viagens curtas também. Mas não faça uma caravana de São Paulo ao Rio de Janeiro, por exemplo, com tanta gente assim a bordo. Na volta vai ter briga para não voltar com você.

Quer saber tudo sobre o Peugeot 5008 na íntegra? Então não deixe de garantir a edição 124 da revista Car and Driver. Compre aqui.

 

 



Comentários