Honda registra o sedã Amaze no Brasil





Honda registra o sedã Amaze no Brasil

Apesar da chance mínima, o Honda Amaze seria concorrente do Toyota Etios no Brasil

Fotos: Divulgação | Texto: Renê Saba

Compartilhe esse conteúdo

A Honda registrou o Amaze no Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI). O sedã compacto da marca japonesa não tem muitas chances de aparecer no nosso mercado, mas surge como alternativa para um segmento ainda não explorado pela montadora. 

Assine a Revista Car and Driver

Percebe-se nas imagens, além da prospecção do veículo, também os itens que o compõe, como, por exemplo, painel, lanternas e faróis. Todas as peças são iguais ao modelo já existente e não existe nenhuma adaptação para o mercado brasileiro. A segunda geração do Honda Amaze foi lançada recentemente no Sudoeste Asiático e está no portfólio da marca como uma opção abaixo do Honda City

Honda, Honda Amaze, Honda City, Fusca, Vokswagen, carros de luxo, carros SUV, carros sedã, carros utilitários, carros esportivos, carros novos, carros 0 km, carros usados, carros populares

 

No mercado automotivo indiano, o Honda Amaze existe em com duas opções: motor 1.2 a gasolina de 90 cv e 1.5 turbodiesel de 100 cv. Ambos são econômicos, com consumo médio divulgado de 19,5 km/l para a versão 1.2, e 27,4 km/l para a versão 1.5. Ambos são vendidos com um câmbio manual de cinco velocidades ou automático do tipo CVT. 

Leia mais:

+ Honda Civic Sedan com motor 1.0 será lançado em agosto

+ Honda FIt ganhará versão híbrida em 2020

+ Honda CR-V, Volkswagen Tiguan, Chevrolet Equinox. Quem leva a melhor?

O modelo também vem munido de itens como central multimídia de 7 polegadas, ar-condicionado digital, sensores e câmera de ré, controle de cruzeiro, borboletas no volante na versão que carrega o câmbio CVT e partida sem chave. 

Quer estar por dentro de tudo o que acontece no mercado automotivo? Então não perca tempo. Peça já a edição 126 da Revista Car and Driver Brasil. Compre aqui

 

 



Comentários