Testamos e comparamos o BMW 240i e o Audi RS3





Testamos e comparamos o BMW 240i e o Audi RS3

O BMW 240i e o Audi RS 3 tem formações distintas sem arredar o pé do universo da diversão

Fotos: Bruno Guerreiro | Texto: João Anacleto | Adaptação web Renê Saba

Compartilhe esse conteúdo

Não estranharíamos se e-mails pipocassem por aqui reclamando que a gente deveria ter colocado o BMW M2 nesse comparativo. Alto lá! Aqui, vamos falar com o seu bolso. Um M2, com sua carroceria estonteante e seus 370 cv, sai por R$ 404.950, o que é exatamente R$ 74.960 mais caro que os R$ 329.990 pedidos pelo Audi RS 3, com seu 2.5 cinco cilindros turbo de 400 cv. Mas por R$ 316.950 você embarca em um M240i, que se não tem as verves de supercarro do M2, despeja 340 cv e 51 mkgf nas rodas traseiras com um 6 em linha turbo de 3 litros sob o capô.

Assine a Revista Car and Driver

Apesar dos preços e medidas alinhados entre eles, Audi e BMW graduam seus carros em escolas diferentes da tradição esportiva. O carro de Ingolstadt se vale da tração integral para ir mais rápido por qualquer lugar onde toque o chão, seja uma reta ou uma curva. É um carro extremo, o ápice da linha A3. Já o cupê de Munique traz na tração traseira a pitada de nostalgia dos legítimos esportivos históricos, ainda que mais civilizado. Ele adora ser provocado. E foi isso o que fizemos para descobrir o grau de diversão.

BMW M240i

Sim, pode parecer estranho quando você vai julgar um carro pelo dom de divertir e o que traz tração traseira perde para o equipado com tração integral. No entanto, a vida não é feita apenas de fumaça e cheiro de borracha. Gastando essa grana toda você quer, ao menos, andar na frente, certo? E foi aí que o BMW M240i comeu poeira. Nas provas de aceleração ele foi quase 1 segundo (0,9 s) mais lento para ir de 0 a 100 km/h, desvantagem que se manteve até os 400 m, e que aumentou 4 décimos ao cruzarem a linha de um quilômetro (1,3 s). E isso não é pouca coisa. Considere que o piscar de olhos leva em média 0,3 s e tire suas conclusões.

BMW M240i, Audi RS 3

Mas há de se dizer que a experiência de possuir um BMW cupê, dono de tanta história (quem nunca teve vontade de acelerar um 2002 Turbo dos anos 1970?) com 340 cv é mais, digamos, esportiva do que guiar um sedã de quatro portas. Você abre aquela porta que mais parece a asa de um LearJet, onde o assento está mais perto do solo e isso já entusiasma. Mesmo que nas medidas ele seja 1 cm mais alto que o RS 3 Sedan, a sensação é mesmo a de estar a bordo de um esportivo literal. Aqueles dois bancos lá atrás, que são incapazes de levar adultos sem nanismo, deixam isso ainda mais cristalino. O carro é feito para você, motorista.

Leia mais:

+ Testamos o Audi R8 V10 Plus e o Mercedes AMG GT R

+ Testamos o Mercedes AMG E63 S, o V8 que acelera 612 cavalos

+ Testamos e colocamos frente a frente o Audi TT RS e o Porsche 718 Cayman S

Audi RS 3

Mais do que o vencedor, o Audi RS 3 é a prova de que a modernidade não significa deixar o carro para uma máquina dirigir ou acelerar como um foguete sem emitir ruídos. Um carro rápido não deve ser comportado, nem silencioso. A engenharia da Audi bancou mais alguns anos de existência deste 2.5 litros de 5 cilindros (aquele que vem desde o primeiro VW Jetta que tivemos entre nós), o único 5 cilindros ainda produzido no mundo. Enfiou um turbo magnífico, dois tipos de injeção de combustível, 400 cv e um sistema de escape que parece ter saído de Mad Max. Me convenceu.

Audi M240i, Audi RS 3

Tudo bem que ele é um sedã e tal carroceria tem pouco a ver com a esportividade nas nossas cabeças. Ninguém tinha um pôster de um sedã no quarto nos anos 1980. Mas hoje, o RS 3 tem panca para ilustrar o fundo de tela de alguns
celulares (como o meu!). Por fora, ele leva as rodas de 19”, para-choques com entradas de ar imensas e duas bocarras de escapamento do tamanho de mexericas. Contudo, ele está mais próximo de um carro customizado pela ABT do que
da classe que um cupê como o M240i transfere ao dono. É camisa, calça jeans, tatuagem e cabelo moicano. O BMW é terno, gravata e gel nos mullets.

Você arriscaria dizer quem levou a melhor no comparativo entre o Audi RS 3 e o BMW M240i? Quer saber mais sobre o teste dessas duas máquinas? Então garanta já a edição 124 da revista Car and Driver e leia tudo na íntegra. Compre aqui.

 



Comentários