Volvo XC40: ele chega ao mercado para conquistar o mundo





Volvo XC40: ele chega ao mercado para conquistar o mundo

O SUV chega com motor 2.0 turbo de 254 cv e opção de entrada que desenvolve 190 cv

Fotos: Divulgação | Texto: João Anacleto | Adaptação web Renê Saba

Compartilhe esse conteúdo

O Volvo XC60 abriu as janelas da marca sueca para um horizonte límpido e ensolarado em 2008. Quem nunca imaginava ter um daqueles carros suecos com cantos pontudos passou a olhar a marca com olhos de flerte, algo que o grandalhão Volvo XC90 tentava desde 2002, sem o devido sucesso. O SUV preencheu garagens amplas e refez o sentido da imagem sueca, antes pautada na segurança, e praticamente só nisso. O XC60 se tornou o carro mais vendido da marca ao passo em que é considerado hoje o veículo mais seguro do planeta. Agora é a vez do Volvo XC40 repetir a missão, só que em progressão geométrica, afinal poderá habitar garagens mais apertadas e bolsos mais sensíveis.

Volvo XC40, Volvo, Volvo XC90, Volvo XC60, carros de luxo, carros SUV, carros sedã, carros utilitários, carros esportivos, carros novos, carros 0 km, carros usados, carros populares

Partindo R$ 169.950, o SUV fabricado em Ghent, na Bélgica, é o primeiro e único entre os rivais (leia-se Mercedes-Benz GLA, Audi Q3 e BMW X1) a ter a possibilidade de condução semi-autônoma, um sistema herdado do Volvo XC60, seu irmão maior. E este parece ser o diferencial dos carros para a próxima década. É também o único entre eles a contar com uma plataforma (CMA) pronta para a eletrificação. E isso em um planeta com habitantes sempre olhando para o futuro, pode fazer com que, em alguns anos, haja mais deste Volvo do que hidrogênio sobre a crosta terrestre. O Pilot Assist permite que ele guie sozinho a até 130 km/h por vias de boa sinalização, freando, acelerando e fazendo curvas de raio moderado.

Nessa opção de entrada, a T4, com motor 2.0 turbo de 190 cv, ele ainda não está disponível – a versão também só passa a ser entregue a partir de julho – mas é de série na R-Design, que custa R$ 214.950, e sai por R$ 5 mil extras frente ao preço de R$ 194.950 da versão Momentum. Estas duas vêm com o mesmo motor 2.0 turbo, só que com potência de 254 cv. Outro diferencial entre os rivais: o Volvo é o mais potente na vitrine de SUVs compactos premium.

Volvo XC40, Volvo, Volvo XC90, Volvo XC60, carros de luxo, carros SUV, carros sedã, carros utilitários, carros esportivos, carros novos, carros 0 km, carros usados, carros populares

Aliás, ele não é tão compacto assim. Com 4,42 m de comprimento é maior que Q3 e GLA, traz também o entre-eixos mais longo, com 2,70 m e com 1,86 m de largura é, por exemplo, 6 cm mais largo que o Mercedes-Benz. Contudo, ao vivo, ele está mais para a simpatia do que para a opressão. Com uma mistura de estilos entre o XC60 e o XC90, ele consegue ser ao mesmo tempo uma novidade e algo que você “já viu por aqui antes”. O dèja vu é proporcionado especialmente pela dianteira característica dos SUVs da marca e, claro, pela linha de led nos faróis, o famosíssimo martelo de Thor. O principal traço de diferenciação é a largura e o formato da coluna C. Enquanto nos irmão maiores a janela-espia fica na terceira coluna, no XC40 ela está na porta. Na traseira ele manteve as tradicionais lanternas verticais nas extremidades, mas não há reflexivos na tampa.

Quer saber tudo sobre o novo Volvo XC40? Então não perca tempo. Peça já a edição 125 da Revista Car and Driver Brasil. Compre aqui.

 



Comentários