Tesla Model X P100D reboca Boeing de 130 toneladas na Austrália





Tesla Model X P100D reboca Boeing de 130 toneladas na Austrália

A ação foi realizada revido a uma parceria entre a Tesla e a Qantas

Fotos: Divulgação | Texto: Renê Saba

Compartilhe esse conteúdo

Acostume-se. Sempre que você ler os nomes Tesla e Elon Musk, é bom saber que algo inusitado aconteceu ou irá acontecer. O empresário publicou na última terça-feira (15) em sua conta no Twitter um vídeo de um Tesla Model X P100D rebocando nada menos do que um avião do modelo Boeing 787-9 Dreamliner, no Aeroporto de Melbourne, na Austrália.

Assine a Revista Car and Driver

A ação publicitária tomou rápida proporção e gerou o efeito esperado por Musk, viralizando rapidamente. A ação, inclusive, pode render a Tesla o recorde do reboque mais pesado já realizado por um carro elétrico, que puxou o Boeing por 300 metros. 

Leia mais:

+ Um carro de outro mundo: Tesla Roadster anda melhor na Terra do que em Marte

+ Conheça o Tesla Roadster, o carro elétrico que está perdido no espaço

+ Testamos o Nissan Leaf e sentimos o carro elétrico que produz 147 cavalos

Para ter ideia do feito, o peso recomendado para um modelo do Tesla X rebocar é de 2.267 kg. O avião, por sua vez, pesa algo em torno de 130 toneladas. A versão mais potente do Tesla Model X P100D consegue acelerar de 0 a 100 km/h em apenas 2,9 segundos.

A campanha publicitária foi fruto de uma parceria entre a empresa aérea Qantas e a Tesla que envolve carregadores de alta potência nas instalações da marca em cidades da Austrália. A companhia também promete dar milhas de viagens para clientes da parceira Tesla. 

Quer estar por dentro de tudo o que acontece no mercado automotivo? Então não perca tempo. Peça já a edição 124 da Revista Car and Driver Brasil. Compre aqui.

 



Comentários