Confira tudo sobre o inédito Volkswagen Virtus





Confira tudo sobre o inédito Volkswagen Virtus

Irmão do Polo, sedã é a próxima novidade da Volkswagen

Fotos: Projeções: João Kleber Amaral | Texto: João Anacleto

Compartilhe esse conteúdo

Flagra. Compartilhamento. Viral. Represália. Demissões. Teve tudo isso no vazamento das primeiras fotos do novo Virtus saindo da linha de montagem para os testes de aprovação e qualidade. Sim, você também deve ter recebido em algum grupo de WhatsApp. E é tudo verdade. Os carros são aqueles mesmos e os funcionários foram, sim, demitidos pelos flagras e circulação das fotos mundo afora.

Mas o que o Virtus tem de tão especial? Ele é o próximo na fila de lançamentos da Volkswagen com a plataforma MQB A0, a mesma do novo Polo. A bem da verdade, ele fará as vezes de sedã do Polo com dianteira e traços laterais bem semelhantes. O três-volumes ocupará o espaço entre os sedãs compactos e os médios, mas com tamanho e espaço interno de médio, já que o Jetta vai subir um pouco de status e de preços das versões. O Virtus terá em torno de 4,40 m de comprimento (5 cm a menos que um Honda City), e prováveis 2,65 m de entre-eixos, o que lhe dará possibilidades de espaço interno semelhantes às do atual Jetta (o City tem 2,60 m de entre-eixos).

O novo sedã virá com a mesma linha de acabamento e de opcionais que estão disponíveis para o Polo. Com a diferença de que ele não contará com a motorização 1.0 aspirada de 3 cilindros e 84 cv. A versão Trendline deve partir dos R$ 65 mil e virá de série com quatro airbags, sem multimídia, mas com ar, direção e trio elétrico e equipado com o motor da família EA211, o 1.6 MSI, que desenvolve 117 cv com etanol e tem câmbio manual de seis marchas.

A Comfortline deve ter preço na casa dos R$ 73 mil, e incluirá rodas de liga-leve e o Discovery Media entre os equipamentos de série, também virá com o motor 1.6 MSI, mas acompanhada do câmbio automático de seis marchas. Na Highline, com preço estimado de R$ 80 mil, o Virtus trará o motor 1.0 TSI de 128 cv, também equipado com câmbio automático e opcionais como o cockpit virtual de 12,3”, feito de TFT. O Virtus chega às concessionárias no início de 2018.

Volkswagen Virtus



Comentários