Você sabe o que fazer se o seu carro for guinchado?





Você sabe o que fazer se o seu carro for guinchado?

A melhor dica é evitar, mas se o seu carro for rebocado, saiba como proceder

Fotos: Divulgação | Texto: Redação | Adaptação web Renê Saba

Compartilhe esse conteúdo

Estacionar em local proibido ou fora da regulamentação pode, além de render multa, lhe dar dor de cabeça de ter o carro guinchado. Veja como evitar e o que fazer quando for buscar o seu carro e encontrar apenas um cavalete no lugar.

Assine a Revista Car and Driver

Olhe bem em volta

Parar perto de esquinas ou na porta de garagens são os principais motivos que levam os agentes de trânsito a guinchar um veículo. Isso porque ocorre uma obstrução de passagem, uma privação do direito de ir e vir, e isso não é tolerado. Tal situação é comum quando você deixa o carro após a placa término, ou antes de placa início, de onde é permitido estacionar. Fazendo isso você pode atravancar a passagem de veículos maiores e para colocar ordem na situação, seu carro deve ser retirado dali. 

É só por estacionar errado?

Você pode ter o carro guinchado também se você estiver sem condições psíquicas ou físicas de guiar, como nos casos de embriaguez, ou se o veículo não estiver em condições plenas de rodas. Pneus carecas, por exemplo, podem ser o motivo de guinchamento. A falta de documentação em vigência também pode acarretar na remoção do veículo, contudo nem semppre isso ocorre. As autoridades policiais são instruídas para dar prioridade na remoção do carro da via terrestre em condições que acarretem riscos à segurança dos que transitam.

Leia mais:

+ Engate: proibido ou liberado, seguro ou perigoso?

+ Saiba mais sobre a utilidade e eficiência dos pneus run flat

+ Problemas com o ar-condicionado? Saiba como resolver e prevenir

Como funciona? 

Há diversas formas de você ter o seu carro guinchado. Atualmente, os agentes de trânsito usam rodas extras que vão por baixo das rodas traseiras e erguem as rodas dianteiras para, enfim, remover o seu veículo dali. Em alguns lugares do mundo, usa-se uma empilhadeixa em outro veículo que ergue o seu carro e o coloca na plataforma. 

Custos

Caso você chegue e encontre um cavalete no lugar do seu carro, prepare o bolso. Em São Paulo o guinchamento até o páteo das autoridades de trânsito custa R$ 644, e cada dia em que ele fica estacionado custa entre R$ 28 e R$ 65 dependendo da cidade. Isso é acrescido ao valor da multa de R$ 130,17, mais, claro, os 4 pontos que são incluídos em sua carteira de habilitação. 

Quer estar por dentro de tudo o que acontece no mercado automotivo? Então não perca tempo. Peça já a edição 124 da Revista Car and Driver Brasil. Compre aqui.



Comentários